Convite ao Regresso, Convite ao Azul!




    Tem sido doce e prazeroso o meu regresso ao Trésors. Depois de algum tempo sem fazer postagens frequentes, voltei! Mais renovada, inspirada e motivada a escrever, sou de natureza inquieta e de "alma escrivinhadeira", me fazia falta estar mais por aqui e em contato com os amigos que este blog me trouxe.
    Entre tantos afazeres me achava ocupada demais e sem tempo para mais um ofício. Publicava apenas no facebook, por ser mais ágil, mas aos poucos fui me dando conta de que o que eu queria não era rapidez, nem tão pouco quantidade, o que estava me deixando saudosa era escrever mansinho
Percebo que muitos blogs estão deixando de existir ou parados, e quase vi o Trésors ficar assim, feito criança que se vê louca por brincar, me vi desejosa em estar aqui. 
    Em meus pensamentos inquietos, muitas postagens aconteceram, ficaram ali guardadas para um retornar. Esse jeito todo singular que é ser blogueira, não pode terminar. De olhos atentos aos blogs estrangeiros, se vê que este movimento de abandono não se dá. 
    Tenho sentido falta de alguns blogs amigos, os quais eu admiro e respeito profundamente. Acato e estimo a decisão de não estar tão presente, motivados ou não pelos seus comprometimentos, ou simplesmente por optar a não blogar mais. Mas registro aqui meu convite ao REGRESSO, voltem, se quiserem, se desejarem, se lhes for prazeroso! Assim como eu, tenho redescobrido o prazer de voltar a blogar, espero que também o reencontrem. Nada de agilidade em comentários, ou de respostas imediatas, pode até acontecer, mas não as esperem. O tempo do blog é outro, é mais parecido com o "tempo da ROÇA", de café passado, de pão que demora pra crescer, de prosa mais lenta e mais afável! Venha, regresse, eu te espero!
    
Tenho outro convite: CONVITE AO AZUL! Há tempos essa cor tem invadido meu querer, longe de ser minha cor mais querida, ela tem se mostrado inevitável em algumas feituras. Eu como não me nego em ficar atenta aos meus sentidos, lhe recebo de coração aberto, sua cor AZUL!


    Essas garrafas fiz há algum tempo, inspirada e encantado com o azul! 
   Com verniz vitral, pintei as garrafas de vinho, molhos, sucos, e até vidros de compota. Iniciei passando  o pincel, mas não gostei do efeito, elas ficavam marcadas. Então coloquei o verniz vitral (em grande quantidade) dentro das garrafas, as virei com a boca para baixo em um outro vidro até escorrer o excesso, de um dia para o outro. O resultado foi ótimo e as garrafas ficaram LINDAS!!













  Bem da verdade?...Tenho mais um convite, daqueles irrecusáveis: 
Um convite a ALEGRIA e ao AMOR! 
Ao final das contas, amanhã é dia das crianças e de
 Nossa Senhora Aparecida, que por sinal tem seu manto Azul.
Que o seu, seja feliz e abençoado!







Por pouco que eu diga, sempre direi algo, até o fim da vida!



Um beijo azul da cor do céu!