Ô De Casa

Sabe aquela expressão: Ô de casa!
É com ela que convido vocês para verem este post.
Entre todas as coisas que faço, a que mais amo é estar em contato com o verde, com a terra, com os bichos, com a natureza, com gente de verdade.
Sou mais mato do que concreto, mais chuva e sol do que telhado, mais terra do que piso, mais bicho do que gente, mais verde do que cinza, mais quintal do que grandes centros.
Estar de forma simples em meio a plantas, terra, bichos, flores, frutas
e gente é o que me mantém viva e feliz!
Sou dada a simplicidade! Nasci, cresci e convivi no meio de gente simples!
Lembro muito bem de minha mãe me ensinando como se plantava, se regava, se colhia. A época certa de podar as árvores...Como usar as ervas na comida.
Lembro dela rasgando uma folha de louro e colocando no meu nariz para que desde pequena eu soubesse que cheiro a erva tinha, sinto aquele aroma agora só de lembrar!


Ô de casa...
Entre e fique a vontade!



Recorri novamente àquele meu dicionário.
Em busca da definição de simplicidade!



Simplicidade: falta de complicação, 
disposição fácil e acessível ao espírito...



...natureza pura, caráter não alterado por elementos estranhos...



...expressões fáceis, não elevadas e nem obscuras demais, 
singeleza da composição ou distribuição das partes...



...naturalidade, ingenuidade, candura, pureza, modéstia,
falta de malícia, "simpleza", inocência sem disfarce.



Um presente simples para vocês...



Simples: singelo, sem complicações ou rodeios, puro, sem misturas, claro e evidente.
Natural sem grandes adivinhações, que tem boa fé, sem disfarce na presença de outros, mais de "simpleza"do que de refinamento, 
sem artifícios e ornatos. 
De espírito claro e sem rodeios, fácil de se entender. Sem grandes controvérsias, sem pompa ou afetação!


A natureza é SIMPLES, nos fala e mostra o que precisamos saber,
 sem ornatos, sem disfarces,  com uma pureza e singeleza tamanha, 
que entra na vida da gente de forma indelével.
Sem "dificultez", sem "estranhismo", sem rodeios!
Muitas pessoas são assim também, 
as mais belas que conheço. são também as mais simples!!!

Beijinho com cheirinho de ervas!

Rosane Castilhos